GARRATELECOM
Pará

Um concerto com a alegria do mês de junho anima público da Amazônia Jazz Band

Composições emblemáticas do mais querido festejo popular, entre outra ‘modas’ tradicionais do jazz, marcarão a divertida apresentação da Amazônia Jazz Banda (AJB), nesta quinta-feira (23), no Theatro da Paz, às 20h, sob a regência do...

21/06/2022 21h10Atualizado há 3 meses
Por: Redação
Fonte: Secom Pará
Foto: Reprodução/Secom Pará
Foto: Reprodução/Secom Pará
Foto: Akira Takatsuji / Divulgação

Composições emblemáticas do mais querido festejo popular, entre outra ‘modas’ tradicionais do jazz, marcarão a divertida apresentação da Amazônia Jazz Banda (AJB), nesta quinta-feira (23), no Theatro da Paz, às 20h, sob a regência do maestro titular Eduardo Lima. A iniciativa é do Governo do Estado do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (SECULT), do Theatro da Paz e da Academia Paraense de Música (APM).

O concerto da Big Band inicia com uma grande seleção de músicas juninas, fazendo 
alusão à época mais colorida, representativa e animada do ano, lembrando que o São João já começou. Como segunda música, a banda apresenta ‘Besame Mucho’, com arranjo de Steve Wister e uma linguagem totalmente jazzística, que fará o público esquecer temporariamente a versão da música em bolero.

E como terceira música, a AJB homenageia o grande artista internacional Paul McCartney - que no dia 18 de junho completou 80 anos de idade - com a música ‘Live and let die’, com arranjos de Robert Curnow. 

Foto: Akira Takatsuji / Divulgação

Na sequência, será tocada ‘Dual’, música de Rafael Martini e Makely Ka, com arranjos que o trombone baixo da AJB, Jonas Hocherman, criou para que a orquestra de jazz tocasse. Nessa música teremos a participação especial do baterista e percussionista Yacauã Bastos, que vai cantar a melodia. Em seguida, fortalecendo o clima junino, é a vez da música ‘Estrepa moleque’, arranjo e composição do guitarrista Kim Freitas, que define sua música como “bombinha de São João”.  

Na sexta posição temos músicas do guitarrista mundialmente conhecido Santana. Será a primeira vez que essa nova formação da AJB vai executar canções do artista. A sétima música é um funk chamado ‘A Few Good Men’, do compositor, arranjador e saxofonista Gordon Goodwin. De acordo com o maestro Eduardo Lima, a escolha de Goodwin é especial. “Todos os arranjos de Goodwin são perfeitos em sonoridade, colocação de nota e colocação rítmica, e será a primeira vez que essa nova formação vai executar a música”, afirmou. 

Foto: Akira Takatsuji / Divulgação

Nesse clima de São João e quadrilha, não poderia ficar de fora o super ‘Frevo Sanfonado’, do grande mestre, maestro e ícone da música brasileira, Sivuca, e um arranjo do grande Spock, diretor da famosa banda Spokfrevo. Finalizando o repertório, a Amazônia Jazz Band executa o grande clássico internacional de James Brown, ‘I Feel Good’, com arranjos de Paul Jennings, com muita alegria, musicalidade e improvisação.

Eduardo Lima
Eduardo Lima, paraense, define a música como sua vida. Neto de trompetista, a música sempre esteve presente em seu lar. Aos 11 anos de idade, seus pais, percebendo o interesse pela música, convidaram um saxofonista para mostrar ao filho o quão fascinante era aquele instrumento musical. Ali começou sua história com a música. Logo iniciou os estudos no saxofone com os professores Paulo Levy e Jesus Martins. Posteriormente, ingressou na ‘Banda Jovem’ do Conservatório Carlos Gomes, ali aprimorando a prática musical em grupo.

Em 2001 tornou-se Bacharel em Educação Artística - Habilitação em Música, pela Universidade do Estado do Pará. Por 12 anos foi Regente Titular da Banda de Música da Guarda Municipal de Belém, tendo exercido, também, a função de professor substituto de saxofone na Escola de Música da Universidade Federal do Pará, realizando à docência na educação básica e profissional, além da participação em projeto de interiorização ministrando Cursos Técnicos de Instrumentista de Orquestra e de Instrumentista de Banda em Municípios paraenses.

Integra a Amazônia Jazz Band (AJB) como saxofonista e flautista há 24 anos, tendo também exercido nos últimos 5 anos a função de Maestro-Auxiliar da AJB. Ao longo dos 28 anos de carreira gravou CD solo intitulado ‘Sopros da Amazônia’, trazendo ao cenário da música instrumental diversos clássicos da música popular paraense, além de participação em shows e gravação de CD’s e DVD’s de diversos artistas. 

Programa
SELEÇÃO FESTA JUNINA 
(Festa Na Roça – Mario Zan & Pereira; O Sanfoneiro Só
Tocava Isso – Maninho/Manoel Góes/Priminho & Tonico; Sonho De Papel – Carmen
Miranda)
(Arr. Adapt. Edivaldo de Paula)

BESAME MUCHO
Consuelo Velázquez & Sunny Skylar
(Arr. Steve Wiest)

LIVE AND LET DIE
Paul & Linda McCartney
(Arr. Robert Curnow)

DUAL
Rafael Martini & Makely Ka
(Arr. Adapt. Jonas Hocherman)

ESTREPA MULEKE
Kim Freitas

SANTANA (Flor D’Luna – Tom Coster; Oye Como Va – Tito Puente; Europa – Carlos
Santana & Tom Coster; Smooth – Itaal Shur & Rob Thomas)
(Arr. Giancarlo Gazzani)

A FEW GOOD MEN
Gordon Goodwin

FREVO SANFONADO
Sivuca
Arr. Spok

I GOT YOU (I Feel Good)
James Brown
(Arr. Paul Jennings)

Serviço:O concerto da Amazônia Jazz Band, acontece no dia 23 de junho, às 20h, no Theatro da Paz. Os ingressos serão disponibilizados no dia do evento, a partir das 9h, na bilheteria do TP e custarão R$ 2,00. A apresentação da Amazônia Jazz Band (AJB) é uma realização do Governo do Estado do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (SECULT), Theatro da Paz e Academia Paraense de Música (APM).

Texto: Úrsula Pereira (Ascom do Theatro da Paz)

Por Thaís Siqueira (SECULT)
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários