Sexta, 19 de Abril de 2024 04:03
Pará SEGURANÇA PÚBLICA

Polícia Civil fortalece atuação investigativa com formação em inteligência policial

Por Talison Lima (PC)02/04/2024 18h53A Polícia Civil do Pará (PCPA), por meio da Academia de Polícia (Acadepol) e do Núcleo de Inteligência (NIP), ...

02/04/2024 21h09 Atualizada há 2 semanas
Por: Redação Fonte: Secom Pará
Crédito: Talison Lima / Ascom PC
Crédito: Talison Lima / Ascom PC

 

A Polícia Civil do Pará (PCPA), por meio da Academia de Polícia (Acadepol) e do Núcleo de Inteligência (NIP), concluiu nesta terça-feira (02), a 6ª edição do Curso de Inteligência Policial Judiciária, certificando 60 agentes de segurança pública que atuam na capital e interior do estado. O encerramento da formação, que teve participação de policiais civis de Sergipe (SE), foi realizado no auditório “Delegada Ione Coelho”, na sede da Delegacia Geral, em Belém, e contou com a presença de diretores e representantes da PCPA.

"Em mais uma edição conseguimos alcançar o objetivo de promover a capacitação de nossos policiais civis com técnicas de inteligência para o uso de equipamentos, softwares e mecanismos que possibilitam a descoberta, aquisição, preservação e o processamento de informações para realização de investigações qualificadas. Com isso, seguiremos avançando na promoção de ações integradas de polícia judiciária”, declarou o delegado-geral, Walter Resende.

Participaram do curso os policiais civis lotados nos Núcleos de Inteligência Policial (NIP) e de Apoio à Investigação (NAI), Diretoria de Atendimentos a Grupos Vulneráveis (DAV), Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), Divisão Especializada em Meio Ambiente e Proteção Animal (Demapa), Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core) e Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc), vinculadas à Diretoria de Polícia Especializada (DPE), incluindo representantes da Polícia Civil de Sergipe (PCSE).

Segundo a delegada Marizol Almeida, integrante do NIP, com o término da capacitação, as operações de investigação da PC serão ampliadas em diversas regiões do estado. "O curso contou com a participação de delegados, investigadores, escrivães e papiloscopista de polícia que estão prontos para enfrentar novos desafios e contribuir com a inteligência investigativa da PC. Certamente, vamos expandir nossa atuação não apenas na capital, mas também oferecer suporte em investigações no interior", destacou.

Integração- Dois policiais civis que atuam na Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc) da PCSE participaram do curso. “A formação foi completa em todos os aspectos, não somente de inteligência policial mas também de investigação, com conteúdos diversos. Além disso conseguimos trocar experiências. Estamos levando muitos aprendizados para nosso estado de Sergipe, onde serão aplicados em futuras investigações”, contou a delegada Andrezza Cavalcanti, acompanhada do investigador Leandro Rodrigues.

Delegada Andrezza Cavalcanti, acompanhada do investigador Leandro RodriguesDurante a formação foram abordadas técnicas investigativas nas disciplinas de inteligência administrativa, financeira, cibernética, de sinais e dados, além de operações de inteligência.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.