Sexta, 23 de Fevereiro de 2024 16:25
94992727888
Geral INDICADOR

Em 2023, atuação da Segurança Pública reduz em 48,4% o indicador de roubos no Pará

Por André Macedo (SEGUP)05/12/2023 08h00O Governo do Pará segue intensificando a redução dos indicadores de criminalidade por todo o Estado. Dados ...

05/12/2023 08h37
Por: Redação Fonte: Secom Pará
Crédito: Bruno Cecim / Ag.Pará
Crédito: Bruno Cecim / Ag.Pará

O Governo do Pará segue intensificando a redução dos indicadores de criminalidade por todo o Estado. Dados divulgados nesta segunda-feira (04) pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) revelam que houve redução de 48,4% nos números de roubos durante o período acumulado de 2023 em comparação ao ano de 2019, primeiro ano da atual gestão.

Em números absolutos, de janeiro a novembro deste ano, o Estado do Pará fechou com 40.923 casos de roubos no geral, número este que representa 38.436 ocorrências a menos no comparativo do mesmo período de 2019, que contabilizou 79.359. Os dados são compilados, mensalmente, pela Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal (Ceac) da Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal (Siac), órgão vinculado à Segup.
De acordo com o secretário estadual de Segurança Pública, Ualame Machado, os crimes patrimoniais estão sendo combatidos fortemente pelo Estado, o que tem refletido nas reduções.

"O Pará tem presenciado nos últimos anos recorrentes reduções destes indicadores e isso é reflexo do trabalho executado de forma séria, principalmente nos crimes patrimoniais. Reforçamos o policiamento nas ruas, inclusive com abertura do maior concurso da Polícia Militar, que está com um concurso público em andamento, ofertando mais de 4 mil vagas, que reforçará a segurança em regiões do Pará", destacou o chefe da pasta.

Se comparado com o mesmo período de 2022, o Pará, até novembro 2023 registra queda de 20%. O número de ocorrências diminuiu 10.118 em números absolutos entre 2023 e 2022. Ualame destaca que esta queda é resultado de um maior investimento nas forças de segurança de modo geral.

"O Estado entregou novas viaturas, armamento, base fluvial, coletes balísticos, lanchas blindadas, mas também aperfeiçoou a tropa e abriu novos concursos públicos para aumento de efetivo. Além de muito mais que a sociedade paraense pode esperar para garantir a paz social de todos", garantiu.

Capital registra queda

Conforme a Siac, a capital paraense, Belém, também apresentou uma redução expressiva de 46% nos crimes de roubos em 2023, se comparado o acumulado de 2019, que fechou com 32.096 ocorrências. Em números absolutos, a diferença entre 2023 e 2019 é de 14.753 roubos a menos. Já a diferença entre 2023 e o ano passado é de 4.034 roubos a menos, uma redução de 20%.

Em novembro deste ano, Belém contabilizou 1.561 ocorrências. Já no mesmo mês do ano passado, foram contabilizados 1.817 registros de roubos. Estes números representam uma redução de 14,09% entre 2023 e 2022. A capital paraense, assim como as outras regiões do Estado, destaca o secretário de segurança, "tem tido a presença constante das polícias nas ruas e as operações preventivas que contribuem para manter os índices gerais de roubo em queda no estado".

"Neste final de ano, o Sistema de Segurança Pública tem desencadeado operações que tem como objetivo aumentar a segurança nas ruas, principalmente neste período que é conhecido pelo aumento da circulação de pessoas e de renda. Na operação 'Festas Seguras', por exemplo, mais de 4.500 mil agentes de segurança, cerca de 2 mil viaturas, e de 50 embarcações e aeronaves, além da cavalaria estarão nas vias, estradas e rios, durante todo o período da operação que seguirá até o dia 8 de janeiro de 2024", reforçou.

Novembro acumula reduções

O mês de novembro de 2023 fechou com 3.438 casos de roubos no geral, sendo 695 ocorrências a menos se considerar o mesmo período de 2022, o que aponta uma redução de 17%. Comparando com o ano de 2019, a queda foi de 51,16%, uma diferença de 3.601 roubos a menos, em números absolutos.

Roubos a pedestres caem mais da metade

A trajetória de redução também foi verificada quanto aos casos de roubos a pedestres registrados em todo o território paraense: considerando o comparativo entre o ano de 2019 e 2023, a queda percentual é de 57%. No acumulado deste ano, o Estado computou 28.644 roubos a pedestres sendo 36.866 a menos que o registrado em 2019, que foi de 65.510. Com relação ao ano passado, que contabilizou 36.676 roubos, houve recuo de 22%.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Canaã dos Carajás, PA
Atualizado às 13h05
28°
Tempo nublado

Mín. 20° Máx. 27°

31° Sensação
0 km/h Vento
73% Umidade do ar
92% (5.48mm) Chance de chuva
Amanhã (24/02)

Mín. 22° Máx. 27°

Chuva
Amanhã (25/02)

Mín. 21° Máx. 28°

Chuvas esparsas